Play & Repeat: "Youth", The Wild State


Começamos o dia com The Wild State, trio de Brighton no Reino Unido, que nos trazem o novo single "Youth". E assim que ouvi os primeiros acordes, tudo parou à minha volta. A minha atenção prendeu-se logo nas teclas e no piano, pois claro.

Quando a voz entra, confesso que me soou estranha e desalinhada com o tom da melodia. Mas a verdade é que começou a fazer todo o sentido à medida que ouvia mais da canção. Um contraste mais do que perfeito e prontamente acompanhado por uma voz feminina, a equilibrar tudo.


A melodia é para mim o ponto alto de "Youth", orchestral indie rock envolvente, quente e surpreendente. Ao piano, junta-se uma linha de guitarra radiante e um trompete magistral, que fazem brilhar ainda mais o instrumental - a partir do minuto 2'25, por exemplo, o trompete torna-se elemento maior, envolvendo-nos de forma profunda, como se de um abraço se tratasse.

"Youth" é intensa e melancólica q.b., é brilhante e complexa, é vulnerabilidade e sobretudo amor.
"Youth" é um momento mágico. E vale a pena escutar de coração aberto.

nota final: o álbum de estreia está para breve, chama-se "light along the waves" e diz que se situa algures entre o universo de the national e de bon iver. para mim, só pode ser coisa boa.

Comentários

Phonograph Me on Instagram