Rapidinhas: Cat Clyde


Hoje o dia começa com "Bird Bone", o ultimo single da canadiana Cat Clyde.



Começo já por dizer que toda a toada da canção é incrível (e o video não lhe fica nada atrás.). Cat Clyde diz-nos que se inspirou num filme de Quentin Tarantino imaginário, mas, de facto, e mesmo antes de saber isto, eu juro que pensei logo em Jackie Brown. 

A voz de Cat é maravilhosa e inconfundível, com aqueles pozinhos old-school que não se compram nem se confundem. Desde o inicio que a canção é surpreendente, meia bluesy, com guitarras nos sítios certos e tudo quanto eu gosto, mas, na verdade, é sempre a potencia vocal de Cat que me encanta mais.

Bom para quem gosta dos The Coasters ou dos A Band Called Smith, mas que acaba sempre por ir parar a Karen Elson.

Palavra de Chavininha. 

Comentários

Phonograph Me on Instagram